Anúncios

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Série "Rústicos" Raça Repartida


Por: Jozias Umbelino  e Ricardo  Gois  
O blog Pajeú de Notícias hoje traz a terceira matéria da série de textos sobre as raças rústicas adaptadas à região do sertão nordestino. Essas informações são importantes para os criadores de pequenos animais ao mesmo tempo em que deixarão nossos leitores com conhecimento técnicos sobre as melhores raças para se criar em nossa região a raça de hoje é A "Repartida".

A raça de caprino repartida é mais uma das raças bem adaptadas à região Nordeste. Como demais raças já retratadas pelo blog, originou-se de um processo de seleção natural dos ecótipos de caprinos trazidos pelos portugueses, na época da colonização. É uma raça de pequeno porte, pouco produtora de leite, boa produtora de carne e pele, e de grande rusticidade.
O caprino da raça Repartida apresenta cabeça de tamanho médio a grande, chifres grandes, dirigidos para trás e para os lados, orelhas variando de pequenas a médias, pescoço delgado com boa inserção no tórax, corpo alongado, linha dorso lombar reta, garupa ligeiramente inclinada, membros fortes e bem aprumados, pelos curtos, pelagem preta na parte anterior do corpo e castanha calara ou escura na parte posterior. Altura em torno de 80 centímetros (cm) e peso médio de 36 quilos (Kg) para cabras adultas (Foto 4).
Esta raça encontra-se dispersa nos estados do Nordeste, mas vem desaparecendo gradativamente em decorrência dos cruzamentos indesejáveis e da falta de um programa de preservação desse germoplasma.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Anuncie

Anuncie
Aqui